Biografia – W.C

William Crookes (17/06/1832 – 04/04/1919) foi um dos maiores químicos da Inglaterra, segundo afirmativa de “Sir” Arthur Conan Doyle, o que ficou constatado pela trajetória gloriosa que esse ilustre homem de ciência desenvolveu no campo científico. Mencionado como sendo um dos mais persistentes e corajosos pesquisadores dos fenômenos supranormais, desenvolveu importante trabalho na área da fenomenologia espírita. Penetrou o campo das investigações dos fenômenos de materialização com o objetivo de desmascarar e encontrar fraudes, entretanto, quando constatou que os fatos eram verídicos rendeu-se as evidências, curvou-se diante da verdade, tornou-se espírita convicto e afirmou:
“Não digo que isso é possível, digo que isto é real.”

 

Fonte: Almanaque Espírita